Mudas de Canafistula

Desconto especial em compras acima de 20 unidades
Mudas Canafistula embalagem com uma unidade
As mudas serão enviadas somente por Sedex, ou entre em contato para outro método de envio
R$ 6,50
→ Desconto à vista no depósito bancário
→ 1 x de R$ 6,50 no cartão de crédito
NOME POPULAR Canafístula, Farinha Seca, Faveira, Sobrasil, Tamboril Bravo, Guarucaia, 
Ibirá Puitá
TEMPO DE VIVEIRO 24 meses. 
TAMANHO DA MUDA De1 a 1,5 metros.
VOLUME DO TUBETE 900 cm³ 
PESO DA MUDA 5,500 quilos.
NOME CIENTÍFICO Peltophorum dubium
FAMÍLIA Fabaceae-Caesalpinioideae
SÍNDROME DE DISPERSÃO Autocórica.
SINOMÍNIA BOTÂNICA Peltophorum vogelianum Benth., Casesalpinia dubia Spreng., 
Brasilettia dubia (Spreng.) Kuntze.
GRUPO ECOLÓGICO Pioneira.
CLASSIFICAÇÃO SUCESSIONAL Secundária inicial. 
AMEAÇA DE EXTINSÃO Quase ameaçada.
BIOMA Cerrado e Mata Atlântica.
ORIGEM Bahia, Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná,
Rio de Janeiro e São Paulo.
LOCAIS DE OCORRÊNCIA Centro-Oeste, Nordeste, Sudeste e Sul.
ONDE PLANTAR Ruas, avenidas, praças, parques, jardins e margens de corpos d'água.
LUMINOSIDADE Sol Pleno.
SOLO DE PLANTIO Áreas secas e áreas úmidas. 
PORTE DA ÁRVORE De 15 a 25 metros.
UTILIDADES  Construção Civil, Marcenaria, Mata Ciliar, Para Sombra e Uso Ornamental.
MADEIRA Moderadamente pesada (densidade 0,69 g/cm³), rija, sujeita ao empenamento 
durante a secagem, de longa durabilidade quando em lugares secos.
TRONCO Tronco de 50-70 cm de diâmetro, revestido por casca com ritidoma escamoso; 
quando jovem sua casca é fina e pouco lenticelada e seus ramos mais 
pubescentes.
FOLHA Folhas alternas espiraladas, estipuladas, compostas bipinadas, com 12-20 
pares de pinas, cada uma com 20-30 pares de foliólulos sésseis, ovalados, de 
base arredondada e ápice acuminado, coriáceos, de 0,5-0,8 cm de 
comprimento por 0,2-0,4 cm de largura.
FLOR Flores amarelas, bissexuadas, zigomorfas, diclamídeas, dispostas em 
panículas terminais grandes.
FRUTO Fruto legume indeiscente e achatado. 
FRUTO COMESTÍVEL Não. 
POTENCIAL PAISAGÍSTICO Árvore frondosa, floração exuberante de flores amarelas, perfumadas e muito 
vistosas, combinada com folhas delicadas.
FENOLOGIA Floresce abundantemente de dezembro a fevereiro. A maturação dos frutos 
verifica-se em março-abril, entretanto suas pequenas vagens permanecem 
viáveis na árvore durante muitos meses.